quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Seria uma resolução de ano novo?



Se tem uma coisa que me irrita é gente intrometida! Sabe dessas que se metem e se acham na liberdade de perguntar e falar o que quiserem? Então, detesto!
Ultimamente tenho pensado muito em dar respostas desconcertantes. Daquelas que a pessoa se arrepende de estar ali, na minha frente fazendo perguntas que não lhe dizem respeito.
Eu entendo a curiosidade ser algo intrínseco, ainda mais hoje com as redes sociais. Pessoa confunde "te sigo" com "somos amigões"! Te dei um "like"e agora somos "BFF's". Acho incrível como as linhas de intimidade e coleguismo ou simples conhecidos são ultrapassadas hoje com perguntas que não têm porque! Essas linhas muitas vezes nem existem mais! E fico P da vida, pq eu não quero saber da vida de ninguém, além do que já está ali exposto, então pq cazzo se acham no direito de se intrometer? 
E ultimamente, estafada das mesmas perguntas intrometidas feitas por pessoas que às vezes eu até mesmo acabei de conhecer, tenho pensado muito em respostas criativas e desconcertantes! Tenho tido desejos em deixar aflorar o meu lado Saraiva! Pá! 

Exemplificando com perguntas recorrentes:

Ultimamente penso em responder a quem me pergunta pq ainda não tive filhos com: "você não sabe? Isso é um assunto que me magoa muito! Se você me conhecesse e soubesse o que se passa comigo você nunca ousaria me perguntar uma coisa que me machuca tanto!"Assim, não tem nada, mas com certeza nunca mais ousariam perguntar a mesma coisa mil vezes! Se não tive filhos o problema é de quem? Então... Pá!

Outra coisa que merece uma resposta jab é quando me perguntam o que faço da vida. Minha vontade agora é responder de forma seca e direta: "vendo meu corpitcho sarado". Eu ia amar ver a cara de desconcerto de quem perguntou! Pq assim, vai pagar minhas contas? Então... Pá!

Talvez uma resolução de ano ano! Hein?! Quem sabe!? Talvez não responder saraivamente, mas dar menos trela e menos importância a essas situações intrometidas. 
Mas por enquanto eu continuo com o sorriso amarelo e a cara de jacu, só para evitar a fadiga mesmo... E imaginando respostas jabs! Pq imaginar não magoa, não causa e me faz rir do quanto posso ser criativa! 

2 comentários:

  1. Fê, tô amando seus posts! Bem divertidos, irreverentes, reais!! Mas vc faz o q da vida, hein???

    ResponderExcluir
  2. Odeio gente intrometida! A gente da uma indireta pra ela se tocar mas a pessoa continua com cara de paisagem se fazendo de desentendida :0
    Que raiva! Vai a PQP ngm paga minhas contas, aff! E minha mente vai longe com respostas mirabolantes pra acabar com a pessoa, mas na maioria das vezes é "parente" aí ja viu né.

    ResponderExcluir