sexta-feira, 29 de junho de 2012

É pecado mesmo?

Google Images
Preguiça... É pecado mesmo sentir preguiça?

Acho que há fases em que temos o direito de sentir preguiça. Tudo é tão corrido, tão rápido, tão "vomitado" em nós, que chega um momento que: Êpa! Preciso ir mais devagar!

Daí se você deixa de fazer isso ou aquilo, já é encarado como, "é, tá com preguiça!"ou "Folgada ela, né!?"Mas não necessariamente...

Tempo pra digerir, compreender, analisar, pensar, sonhar (pq não?), estabelecer uma estratégia não deveria ser encarado como PREGUIÇA! Nem sei também se é o tal do ócio criativo! Mas preguiça, no way!

Tem dias que a gente quer ficar na boa, sem falar, sem ouvir ninguém, só escutando o que nossa cabeça grita e tem horas que nem damos a mínima. E pra fazer isso não vou prestar atenção na tv, na internet, no livro que quero ler, nas pessoas que estão falando com a gente! Vou querer ficar deitada, no maior estilo morgando mesmo! De preferência com os olhos fechados, para melhor visualizar toda a situação!

O que é preciso ter cuidado é pra não ser confundida com louca ou antipática! Preguiça criativa (prefiro que ócio, palavra muito pesada essa: Ó C I O ) é um momento seu! Por isso, atenção com o possível mal entendido!

Eu tô numa fase de preguiça criativa, querendo digerir tudo o que vem pela frente! Logo falo sobre isso, mas as mudanças serão muitas!  Pra começar a idade: TRINTA! E sim, estou em crise de inferno astral! hahahahahaha

E não vejo como uma preguicenta sem cura, mas sim como uma pessoa que quer entender bem toda a situação, planejar tudo para que nada saia muito fora dos eixos! Porque se tudo sempre der 100% certo tem algo errado, já aprendi isso!

Google Images
Confesso também que tenho preguiça PREGUIÇA, aquela do pecado! Putz, um dia frio, cinzento, PEDE para não fazer absolutamente NADA! Aí bate aquele bode, aquela preguiça e... sou elétrica, e não fico muito tempo parada!  Mas quando chega em casa e precisa sair seja para ir ao mercado, fazer as unhas, farmácia, ou qualquer coisa dessas... Aí é preguiça mesmo! Nesses casos consigo dar o calote! rs

Ah! E tem também a preguiça que sentimos das pessoas... Mas essa é outra história! :)

O blog é um exemplo de superação tanto de uma preguiça de sentar e "colocar no papel" o que penso, mas principalmente uma vitória sobre a minha vergonha!


Mas o que importa agora é: qual é a sua opiniãããã???? O que você pensa sobre preguiça, ócio e afins? Preguiça e desânimo, é a mesma coisa?

Não tenha preguiça e comente!!! :)


Google Images

Mesmo com uma preguicinha marota: #ForçaNaPaçoca sempre, para que a gente #NeverGiveUp !!!!


quinta-feira, 28 de junho de 2012

Limites...

Desde que comecei a me dedicar com afinco a questões saudáveis nunca soube ao certo os limites pra isso. Tudo é muito de muito ou tudo é pouco de menos! Oito ou oitenta mesmo! Nada morno! Tudo intenso! Copo nunca está no meio...

Na dieta ou eu sou do tipo natureba extrema, que só come verduras, frutas, legumes, grãos e nada de farinha, massa, queijos, pães, peixes! Ou eu sou do tipo que se entrega com gosto para um belo bolo de chocolate, faz aquela massa com queijo de cabra e camarão, se farta de chocolate, come os pães mais delicinhas do mundo! Não consigo balancear! É incrível!

Me conhecendo, sei que TENHO que me IMPEDIR de comer certas coisas, porque não sei parar sem ver o fim! O jeito é NUNCA tê-las em casa! Colocar PROIBIDO nos armários, com choque e tals! hahahahahaha

Google Images


E na atividade física é a mesma coisa! Se começo a fazer musculação, quero fazer tudo pra ontem! Se é pra correr, bora para uma maratona, nada de 5k! Bike? Vamos pedalar até as pernas dormirem! Nadar até enrugar!!! Endorfina domina!!! hahahahaha

Percebe-se que não estou exagerando pela lesão, né!? Mas também não sou 100% do tempo assim, senão quem aguenta???

E hoje eu estou orgulhosa de mim, por isso pensei nesse assunto!

Ia fazer rolo em casa, mas como meu treino hoje foi de perna, achei melhor não forçar ainda mais a lesão, até porque o banco da bike incomoda!

Não posso perder o foco e por tudo a perder por causa de 1h de rolo! Eu quero é correr logo!!! Foco, foco, foco!!! CORRIDA!!!!

Mas e a consciência pesando por não ter feito o programado de hoje? FODA-SE!!! Antes a consciência pesada agora do que minha lesão piorada amanhã!!!

PRIORIDADES!!!, Certo?! :)


Mas e você? Tem algum assunto em que você tem dificuldade para encontrar um limite?

E #ForçaNaPaçoca pra #NeverGiveUp galera!!! Mas sempre procurando o equilíbrio!

Google Images


PS: Sou louca, mas gosto de ser desse jeitinho!!! hihihihihi







quarta-feira, 27 de junho de 2012

Força na paçoca????

A primeira vez que li essa expressão no Twitter eu achei o máximo! Sempre dizia força na peruca, mas não tem  o mesmo impacto de "força" como essa tal paçoca!


Paçoca é algo genuíno, porreta mesmo! Dá energia quando necessário e abraça quando preciso! Filosofar sobre a paçoca é algo que tenho feito mentalmente. Pode parecer bizarro, mas faz sentido hoje em dia, vai!? hehehehehehe


E nesse filosofar todo descobri que existem dois tipos de paçoca! Ooooohhhhhh!!!! Como assim????


Então, tem a paçoca de origem indígena feita com farinha de mandioca e carne seca, típica das festas juninas do Nordeste. E tem a paçoca de amendoim, que é o doce de amendoim, farinha de mandioca e açúcar, típico da culinária caipira de SP. (Fonte: http:// wikipedia.org) 


Ok, bela explicação, mas paçoca culinária e força na paçoca, qual a relação???


Paçoca siginifa esmigalhar, e esmigalhar é algo que remos que fazer quando temos uma meta. Esmigalhar todas as possibilidades até atingir o que queremos!


É... acho que viajei longe na filosofia e definição, né!? Mas a ideia é: NUNCA DESISTIR! Independente das dificuldades que apareçamm focar e esmiuçar, ESMIGALHAR tudo que for possível até alcançar. E saber que se não atingimos ainda ou é porque não tentamos todos os caminhos ou também pode ser porque mudamos nosso foco, direção. E mudar o foco não é ruim! As coisas mudam e temos o direito de mudar de opinião!


Nossa mas que textinho mais auto ajuda, affe... Piegas, eu sei! Não nego... Mas é mentira???


E hoje por coincidência, de novo, ganhei uma Paçoquita na cadimia!!!!


Google Image


Um lema de Twitter que agora é filosofia de via, assunto super sério! rs

#ForçaNaPaçoca pra #NeverGiveUp

terça-feira, 26 de junho de 2012

Corrida, amor ou amor!




Não faz tanto tempo que comecei a correr, mas sinto que faço isso desde sempre.

Nesses 2 anos e meio aprendi que posso tudo aquilo que quiser, basta eu me dedicar e focar. E só depende de mim!

Ao começar a correr eu senti que precisava de fôlego, e para isso fumar não combinava muito. Larguei o vício após quase 10 anos. E foi a corrida que fez isso por mim! Sem ela teria sido muito mais complicado.

Correndo conheci pessoas que compartilham do mesmo modo de vida! E cada dia que passa conheço mais gente que me inspira e me faz acreditar que posso muito mais!

Correr me fez perder peso, me sentir melhor, mais leve!

Me sinto livre, a endorfina da corrida é a melhor sensação! Meus pensamentos se encaixam enquanto corro, as coisas começam a fazer sentido!

Enfim, se ficar aqui falando tudo o que a corrida significa pra mim não tem fim e muito menos explicação! É vida! (por mais blasê que essa frase possa parecer, é um fato!)

Só que quando vamos com MUITA sede ao pote, acontece de tropeçarmos e derramar tudo! E isso que estou sentindo na pele há 4 meses. Aconteceu o que mais temia: LESÃO!



E não basta ser uma lesão, tinha que ser fratura por estresse no púbis, coisa que acontece em 2% dos atletas! Seria o famoso "x" na testa? Hoje tenho consciência que não, que de certa forma procurei e achei!


Entre outubro de 2011 e fevereiro de 2012 corri como se não houvesse amanhã. Volume de treino que nem ultramaratonista tem que encarar! Corria 7 dias na semana sem planilha, sem orientação, sem noção!

Tenho problemas posturais, torturas de nascimento, mas isso é desculpa, pois o motivo maior foi overtrainning SIM! Não posso me esconder em negações!

Agora estou parada... E não tem nada pior que isso! Angústia, ansiedade, vontade... Quem me conhece sabe que sou ligada na tomada, quero fazer tudo ao mesmo tempo agora quando o assunto é atividade física! Mas estou aprendendo da pior maneira que às vezes é bom ir devagar com o andor, porque ele uma hora racha!

Mas hoje recebi uma luz de esperança! Previsão de 5 semanas para a fratura estar totalmente consolidada! E isso cai bem no meu neversário!!! Presentão para os trintão, hein!? Esperar as cenas dos próximos capítulos...


E que nunca  nos falte Força na Paçoca para Never Give Up!!!







segunda-feira, 25 de junho de 2012

Zerinho!!!!

Há um tempo que estou com vontade de fazer um blog, mas acho que me faltava coragem.
Hoje ao acordar, li meu horóscopo, como faço todos os dias e nunca presto atenção, e tchãnã:


"Uma boa época para engatar um curso ou retomar aquele BLOG que anda esquecido!"


Seria um sinal??? rs
Enfim, sendo sinal ou não, resolvi que hoje era o dia de começar um blog, o que espero dar continuidade... O que é um desafio! Não minto!
Penso mil coisas ao mesmo tempo e às vezes falta espaço pra dizer ou alguém pra ouvir, aqui posso dizer e "ouve" quem quiser! hahahahaha (Todos, ok!)


Os assuntos irão de corrida, bike, triathlon, nutrição, musculação, tv, passando por divagações (essas acredito que serão sua maioria)... 




Sejam bem vindos e vamos ter  "Força na Paçoca sempre pra Never Give Up! "